terça-feira, 4 de abril de 2017


Como habitualmente, terminamos a Semana da Leitura com mais uma (Sobre)Mesa de Leituras muito participada pelos alunos do 2.º e 3.º ciclo. Perante uma plateia de cerca de 150 pessoas, os alunos provaram que ler e cantar a poesia encanta e comove quem a ouve e através dela deixamos fluir os nossos sentimentos e emoções. Se o tema era "Ler por prazer" este evento provou isso mesmo. O grande prazer que todos os alunos sentiram em declamar os poemas de autores lusófonos ou os seus próprios sonetos.

segunda-feira, 3 de abril de 2017

domingo, 2 de abril de 2017



A Feira do Livro é sempre um evento cultural importante  na vida escolar dos alunos, já que fora da escola estes momentos nem sempre se proporcionam. É um momento de cada um poder pegar, folhear, apreciar, e escolher com calma o livro que mais apreciaram. Assim foi, mais uma vez, na Semana da Leitura. 


"Descobre-me com os QR codes"

Este é o nome do concurso promovido pela BE e docente de TIC e realizado pelos alunos do 7.ºC. Os alunos escolheram os seus livros preferidos, extraíram um excerto que contextualizasse a obra, converteram o texto para QR code e ainda elaboraram o questionário sobre os vinte e quatro títulos escolhidos.
Durante a Semana da Leitura, em todas as portas das salas foi afixado um QR code e  os colegas, munidos de um telemóvel ou de um tablet, participaram com muito entusiasmo!

Uma feira do livro muito participado pelos meninos e meninas da E.B. 1 de S.Paio na Semana da Leitura.
A propósito de livros, aqui fica um poemas de João Pedro Mésseder
Um livro
Levou-me um livro em viagem
não sei por onde é que andei

Corri o Alasca, o deserto
andei com o sultão no Brunei?
P’ra falar verdade, não sei

Com um livro cruzei o mar,

não sei com quem naveguei.

Com marinheiros, corsários,
tremendo de febres e medo?
P’ra falar verdade não sei.

Um livro levou-me p’ra longe

não sei por onde é que andei.

Por cidades devastadas
no meio da fome e da guerra?
P’ra falar verdade não sei.

Um livro levou-me com ele

até ao coração de alguém

E aí me enamorei –
de uns olhos ou de uns cabelos?
P’ra falar verdade não sei.

Um livro num passe de mágica

tocou-me com o seu feitiço:

Deu-me a paz e deu-me a guerra,
mostrou-me as faces do homem
– porque um livro é tudo isso.

Levou-me um livro com ele

pelo mundo a passear

Não me perdi nem me achei
– porque um livro é afinal…
um pouco da vida, bem sei.


in O G é um gato enroscado